Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

CONTAMINAÇÃO de LEITE em PÓ X O M S

Por: Folha de São Paulo - 26 I 2005

Contaminação interdita lote de leite em pó
 
DA REPORTAGEM LOCAL

O Centro de Vigilância Sanitária do Estado de São
Paulo interditou cautelarmente o lote 040719P (de 19
de julho de 2004) do leite em pó Aptamil, da empresa
Support Produtos Nutricionais Ltda., em razão da
presença da bactéria Enterobacter sakazakii. Esse
microorganismo tem uma alta taxa de letalidade (cerca
de 33% dos casos) e afeta principalmente
recém-nascidos.
A medida, que tem caráter transitório e emergencial,
foi publicada no "Diário Oficial" da União de sábado,
após sair o resultado de análise de rotina realizada
pelo Instituto de Tecnologia de Alimentos. A decisão
só vale para o Estado de São Paulo. As amostras foram
coletadas em farmácias e supermercados paulistas.
Segundo a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância
Sanitária), não foram notificadas mortes de bebês
associadas à presença dessa bactéria. A agência vai
verificar hoje se o lote contaminado foi distribuído
em outros Estados, além de São Paulo, para decidir se
amplia a interdição ao resto do país.
Para o médico Rui de Andrade Dammenhaim, diretor do
Instituto Brasileiro de Auditoria em Vigilância
Sanitária, o tempo entre a fabricação do lote
contaminado e a interdição cautelar (seis meses), pode
ter colocado a vida de muitos bebês em risco. "É um
processo muito moroso, especialmente se tratando de
bebês vulneráveis."
Ontem, a Folha entrou em contato com a empresa
Support, mas, em razão do feriado em São Paulo, nenhum
diretor foi encontrado para falar sobre o assunto.

O M S  aprova resolução de advertencia nas formulas infantis

 

Foi aprovada ontem em Genebra, na OMS, por consenso entre os 25 paises membros presentes (inclusive Brasil), uma Resolução a ser encaminhada a Assembleia de maio/205 para votação:
trata-se da Resolução que inclui a proposta aos paises e companhias para haver uma advertencia nas formulas infantis sobre o perigo da contaminação por E.Sakazakii.

Foi uma batalha dificil,  mas uma vitoria de mais
uma batalha da nossa rede IBFAN. Os EEUU considerou a proposta "prematura e possivelmente contra-producente", mas a comunidade europeia (EU) sustentou a proposta, após as mortes de 2 bebes em dezembro (lembram?). (...)
Agora sera apresentada a AMS em maio, e ai sim, é que é necessario que nossa delegação se comporte como se comportou anos atras na defesa dos 6 meses de Aleitamento Materno Exclusivo , qual seja, liderando!!


 Marina Rea
 Pesquisadora Cientifica VI
 Instituto de Saude, Sao Paulo

 

 
 


Última atualização: 22/7/2011

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
25 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital